//
#OcupeEstelita +1 – 28 de abril de 2013

893461_4791772037528_587876280_o

No próximo domingo, dia 28 de abril de 2013, acontecerá, no Recife, o #OCUPEESTELITA+1. O evento será no Cais José Estelita, no bairro de São José, e irá proporcionar um ambiente de convergência entre pessoas e diversos grupos interessados em viver a cidade de uma forma mais justa, democrática, digna, saudável e sustentável. O #OCUPEESTELITA+1 será um momento de encontro, um espaço para discussão dos rumos e impactos do processo de desenvolvimento urbano em curso no município do Recife.

 Toda a produção do #OCUPEESTELITA+1 acontece de forma colaborativa e está sendo divulgada nas redes sociais. A participação no evento é livre e está aberto a todos e todas. Este será o primeiro “ocupe” de 2013. O #OcupeEstelita+1 também comemora o 1 ano de formação do grupo Direitos Urbanos I Recife (DU) e lança uma campanha para que as pessoas venham a ser +1 nessa construção coletiva. A programação abrange exposições, oficinas, shows e apresentações culturais de teatro, música e intervenções artísticas.

Importante lembrar que o #OCUPEESTELITA+1 é mais uma das ações do grupo Direitos Urbanos. Este grupo reuniu várias pessoas que queriam questionar e contrapor as propostas levantadas pelo projeto privado, promovido pelas 4 construtoras do Consórcio Novo Recife(Moura Dubeux, Queiroz Galvão, G.L. Empreendimentos e Ara Empreendimentos), que prevê a construção de 13 torres de até 40 pavimentos no bairro, no região do Cais José Estelita. Com o intuito de debater e protestar a implantação do projeto Novo Recife, criou-se o grupo Direitos Urbanos, em março de 2012. De formação plural e estimulando intensas discussões, até hoje realizadas através das redes sociais, o grupo engloba diversas organizações, movimentos comunidades, arquitetos, urbanistas, professores, estudantes, artistas, cidadãos e cidadãs.

Movidos pela indignação contra a notada ausência de planejamento urbano, falta da participação popular e da omissão do poder público quanto a degradação ambiental, paisagística, histórica e arquitetônica que o projeto suscitava, no dia 13/04/2012, na cerimônia de abertura do “Pernambuco no Clima” – prévia do Rio Climate Challenge, Rio Clima (RCC), evento paralelo a Rio+20 – membros do DU escrevem uma carta ao governador do estado de Pernambuco, Eduardo Campos: “Causa-nos indignação profunda que o poder público local esteja fascinado com uma ideia de desenvolvimento e progresso há muito ultrapassada, comprometido com um modelo de cidade que é excludente, predatório e violento, permanecendo ao lado dos grandes empreendimentos imobiliários de luxo (…), financiando a expulsão da população pobre, através de valorização imobiliária sem contrapartida de desenvolvimento social” .

Assim formou-se o DU, veemente, questionador do “novo” modelo de cidade, revelando os efeitos danosos dessa intervenção: degradação ambiental-paisagística-histórica, interferências no transito, ilhas de calor, alterações de vivência e cisões sociais. Hoje o grupo pensa e discute propostas alternativas para o planejamento urbano.

Tomado por esta postura política e fiscalizadora das ações do poder público, o DU vem denunciando, ao longo do seu 1 ano de existência, o descaso com as comunidades atingidas pelo projeto e apresentando preceitos que deveriam estar por trás da construção do mesmo, como o respeito às diretrizes do Plano Diretor e o cumprimento de artigos previstos no Estatuto das Cidades.

No dia 19 de dezembro de 2012, o Ministério Publico ingressou com Ação Civil Publica em face do Município do Recife e demonstrou através de documentos disponíveis a qualquer interessado que o Projeto Novo Recife contém diversas ilegalidades que motivaram, em caráter liminar, a suspensão de todo e qualquer ato administrativo referente ao projeto e, no mérito, a declaração de sua nulidade desde o inicio. Todavia, o projeto foi aprovado sem a realização de Estudo de Impacto de Vizinhança, exigência prevista no Estatuto das Cidades (Lei nº 10.257\2001, art.37) e sem o necessário Estudo de Impacto Ambiental, contrariando artigos do Código do Meio Ambiente e do Equilibrio Ecológico da Cidade do Recife.

Isso já demonstra a importância de termos uma população protagonista, que assuma uma postura ativa no acompanhamento e revogação dos trâmites em curso, quando estes não atenderem ao interesse comum. O grupo Direitos Urbanos firma este papel social de fiscalizador e propulsor de mudanças, estimulando a participação coletiva e abrindo canais de diálogo entre os diversos seguimentos, através de suas redes sociais. Atualmente, cerca de 9.150 pessoas estão no grupo do facebook do Direitos Urbano e mais de 5600 seguidores na página do grupo. Há também um blog próprio onde freqüentemente são publicados artigos e crônicas sobre o espaço urbano.

Outras chamadas em vídeo para o #OcupeEstelita+1

SERVIÇO

Evento:  #OCUPEESTELITA+1

Data: Domingo, 28 de abril de 2013

Hora: A partir das 13h

Local: Cais José Estelita, Recife, Pernambuco.

 

PROGRAMAÇÃO #OCUPEESTELITA+1

Shows e apresentações

Agremiações de Carnaval

Djs La Tabaqueira (Alessandra Leão e Rodrigo Caçapa)

A Caravana do Delírio

Casas Populares

Juvenil Silva

Feiticeiro Julião Caapora

Devotos

Carlinhos do Mercado São José

China Sound System

Jardim Sonoro

 

Exposição

Pólo Jurídico/Coque – Exposição de mapas, fotos e projeto do pólo jurídico

Oficina de construção de maquete

Exposição de fotografias

 

Intervenções

Audiovisual: Cine Chinelo no Pé no Estelita

 

Teatro e dança

ARRICIRCO e Escola Pernambucana de Circo

Acrobacia em tecido

Jam de dança – coletivo Lugar Comum

 

Outros

Praia do La Greca no Estelita

Plantio de Arvores

Grupos de Capoeira

Shiatsu

Painel de Grafitti (Muro livre e outros grupos)

Burro Errante (infantil)

Grupo Direitos Urbanos | Recife

blog | Direitos Urbanos : : https://direitosurbanos.wordpress.com/

grupo fb | Direitos Urbanos : : https://www.facebook.com/groups/233491833415070/

página fb | Direitos Urbanos : : https://www.facebook.com/DireitosUrbanos

Discussão

2 comentários sobre “#OcupeEstelita +1 – 28 de abril de 2013

  1. cara pega esse espeço todo e faz um grande espaço cultural, com dança teatro circo etc.

    Publicado por braulio santana | 23 23UTC maio 23UTC 2014, 13:47

Trackbacks/Pingbacks

  1. Pingback: Você concorda com o projeto Novo Recife? Como seria sua cidade ideal? | Catraca Livre - 23 23UTC maio 23UTC 2014

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Assine o blog pelo Facebook

%d blogueiros gostam disto: